Concurso Detran GO 2021 – Examinador de Trânsito

Categorias: 2021 - Concursos 2021 - Concursos Públicos - Detran - Goiás

Seleção oferece 100 vagas. Inscrições serão recebidas até o dia 17 de setembro de 2021.



Se você pretende ter a segurança de um cargo público e mora em Goiás, essa pode ser a sua oportunidade.

O Departamento Estadual de Trânsito de Goiás vai abrir 100 vagas para a inscrição no dia 9 de setembro.

As vagas serão para examinador de trânsito, temporários.

O que faz um examinador de trânsito?

Um examinador de trânsito pode ensinar a legislação de trânsito nos Cursos de Formação de Condutores, ensinar direção defensiva na prática para novos condutores e julgar o desempenho destes condutores no exame de trânsito que é obrigatório para a obtenção de uma Carteira Nacional de Habilitação. É função do examinador de trânsito garantir que os aprovados nos testes de direção tenham conhecimento teórico e técnico suficientes para dirigir com segurança e responsabilidade.



Pré requisitos:

  • Os pré-requisitos para vaga são idade no mínimo de 21.

  • Curso superior em qualquer área;certificado de conclusão de curso de examinador de trânsito, pelo Detran GO;

  • CNH (Carteira Nacional de Habilitação) há, no mínimo, dois anos.

  • Ter disponibilidade para realizar viagens.

  • Não estar cumprindo pena de suspensão do direito de dirigir ou de cassação do direito de dirigir, e não ter cometido nenhuma infração gravíssima nos últimos 12 (doze) meses contados da data de publicação do Edital.

Avaliação:

A seleção ocorrerá por meio de análise curricular, com base nas informações apresentadas durante a inscrição e entrevista presencial, de 18 a 22 de outubro.

Na entrevista o candidato será avaliado com base no conhecimento adquirido e na sua experiência profissional em relação às atribuições do cargo/função pleiteado.

Benefícios do cargo:

  • Salário inicial de R$ 3.360,

  • Auxílio-alimentação de R$500.

Segundo o edital as vagas serão distribuídas da seguinte maneira, vagas ampla concorrência serão noventa e cinco vagas. E vagas para pessoa com deficiência serão cinco vagas.

Em caso de empate na nota final, para efeito de classificação, terá preferência o candidato com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, na forma do disposto no parágrafo único do Artigo 27 da Lei Federal nº10.741/03 (Estatuto do Idoso). Persistindo o empate, prevalecerão os seguintes critérios, sucessivamente:

  • Maior nota na Análise Curricular;

  • Maior nota na Entrevista;

  • Maior idade.

Fique atento, pois serão eliminados do Processo Seletivo o candidato que não cumprir o edital.

Alguns pontos que podem causar a sua eliminação do concurso:

  • Não for convocado para a 1ª Etapa – Análise Curricular

  • Obtiver nota inferior a 3 (três) pontos na Pontuação Geral dos candidatos;

  • Não comparecer na Avaliação pela Equipe Multiprofissional;

  • Apresentar declaração falsa ou inexata em qualquer documento.

  • Tiver deficiência incompatível com as atividades do cargo/função escolhido, conforme avaliação pela Equipe Multiprofissional;

  • Obtiver nota inferior a 10 (dez) pontos na 2ª Etapa – Entrevista;

  • Mantiver conduta incompatível com a condição de candidato ou ser descortês com qualquer um dos profissionais incumbidos da realização das etapas do Processo Seletivo;

O candidato classificado ou habilitado será convocado para assumir o cargo ou função até o limite do prazo de validade do Processo Seletivo, observando-se o exclusivo interesse do DETRAN. A ordem de convocação dos candidatos obedecerá à ordem decrescente de pontuação.

Será possível se inscrever entre 9 e 17 de setembro, mediante o preenchimento de formulário de cadastro disponível no site https://selecao.go.gov.br/.

A divulgação do resultado, do concurso de examinador de trânsito do DETRAN de Goiás, está prevista para 12 de novembro.

O período de contratação máxima é de 03 (três) anos, com a possibilidade de ser prorrogado até o prazo total de 05 (cinco) anos.

Fique atento ao edital, pois algumas datas pré estabelecidas poderão ser mudadas. E em nenhuma hipótese haverá segunda chamada para candidatos que não cumprirem os prazos do cronograma e dos Editais de convocação.

MIRIAM DA SILVA SOARES



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *