Novo Concurso do Ministério da Economia 2020 – 2021

Seleção deve oferecer 39 vagas temporárias de nível superior. Edital deve ser divulgado em breve.

O Ministério da Economia deve realizar em breve um novo Concurso Público. Na última quarta-feira, dia 12 de agosto, foi publicada uma portaria no Diário Oficial da União confirmando uma nova seleção que terá o objetivo de preencher 39 oportunidades temporárias. As vagas deste concurso serão para cargos de nível superior. Não foram confirmados os valores das remunerações.

Segundo a portaria, do total de vagas que serão ofertadas neste certame, 37 serão para atividades técnicas na área de Direito. Já as outras duas vagas serão para atividades técnicas na área de arquivologia.

A seleção terá um prazo de 6 meses para ter o seu edital publicado. Ou seja, o prazo final para que o edital de abertura do certame seja divulgado será o dia 12 de fevereiro de 2021. Apesar do prazo se estender até o ano que vem, é esperado que o documento seja divulgado antes deste prazo, devido à grande necessidade de profissionais neste momento e também devido às vagas serem temporárias, que exigem a realização de um Processo Seletivo mais simples em relação aos concursos públicos com vagas efetivas.

Os selecionados irão trabalhar na Comissão Especial de Extintos Territórios Federais de Rondônia, Amapá e Roraima, também conhecido como CEEXT do Ministério da Economia.

O contrato dos profissionais selecionados irá durar até o dia 1º de dezembro de 2022, tendo ainda a possibilidade de prorrogação de acordo com as necessidades do órgão.

Este é o segundo concurso público autorizado para o Ministério da Economia. Antes deste um outro edital já ofertava 350 vagas temporárias para diversos cargos. O edital desta seleção também deverá ser divulgado em breve.

Sobre o Ministério da Economia

O Ministério da Economia é um órgão criado a pouco tempo pelo Governo Brasileiro. Ele teve a sua fundação realizada no dia 1º de janeiro de 2019, portanto, possui apenas um ano de idade e seu atual ministro é Paulo Roberto Nunes Guedes.

O órgão tem como principal objetivo cuidar da formulação e execução da política econômica do Brasil, além de cuidar ainda da administração financeira da União por meio da Secretaria do Tesouro Nacional, Secretaria da Fazenda, Secretaria de Previdência e Receita Federal, Secretaria de Planejamento, Secretaria de Competitividade da Receita Federal, Secretaria de Desestabilização e Desmobilização, Secretaria de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais e Administração Superior da Estrutura Fiscal Federal.

Para mais informações sobre o Ministério da Economia acesse o site https://www.gov.br/economia .

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *